SEGURANÇA

Diga não às drogas

Programa Educacional de Resistência às Drogas e a Violência forma alunos em 7 escolas de Apiúna

A Prefeitura Municipal de Apiúna, através da Secretaria Municipal de Educação, em parceria com a Polícia Militar de Santa Catarina realizaram nesta quarta-feira, 18, a formatura de 138 alunos PROERD.  

O Programa Educacional de Resistência às Drogas e a Violência - PROERD - foi criado em 1983, nos Estados Unidos da América com o objetivo de sensibilizar e conscientizar os alunos da realidade triste e trágica das drogas. No Brasil, o PROERD chegou através da Polícia Militar do Rio de Janeiro em 1992, chegando a Santa Catarina, na cidade de Lages em 1998, sendo que atualmente está presente em grande parte do território catarinense.

O programa atendeu os alunos dos quintos anos de sete escolas do município que se uniram aos milhões de outros alunos PROERD espalhados pelo mundo na batalha contra as drogas e a violência.

O prefeito municipal, José Gerson Gonçalves, aproveitou a solenidade para agradecer a Polícia Militar, através do Policial Amarildo da Silva, que trabalhou com os alunos alguns temas como: o perigo do uso das drogas; ter resistência as pressões para se fazer coisas erradas; respeito; bullying; pedofilia entre outros temas.

 "Apiúna estará sempre de portas abertas para parcerias importantes e significativas como essa, pois entendemos que o PROERD é de suma importância para a formação do cidadão", salientou a secretária de Educação e Cultura, Fabíola Cunhaque Gonçalves.

A cerimônia de formatura, realizada no centro de eventos da Rua São Paulo que contou com apresentações artísticas dos alunos, com a presença de autoridades, pais de alunos e representantes da sociedade, premiou alunos de todas as sete turmas com bicicletas e bonecos do mascote do programa.

O Policial Militar Amarildo da Silva, ao final da solenidade, anunciou ser sua última participação como instrutor PROERD. Foi homenageado e se emocionou ao falar de seus 19 anos atuando no programa.

 "Foram 19 anos como instrutor formando 9.210 alunos de 437 turmas, trabalho este realizado nos municípios de Apiúna, Ascurra, Brusque, Botuverá, Gaspar, Guabiruba, Ilhota e Rodeio. Deixo o programa sabendo das amizades que fiz e sentirei saudades, com certeza."


Imagens




EDIÇÕES IMPRESSAS



COLUNISTAS



1218217951.png

 

Cabeço Negro
Rua 100 78 fundos sala 02, Loteamento Dona Helena Morro
Apiúna - SC - Brasil

Copyright © 2011. Todos os direitos reservados | Cabeço Negro