POLÍTICA

Emergência é decretada em Apiúna

Um em cada três municípios do Estado já declarou situação de emergência pela seca desde o início do ano

O município de Apiúna decretou situação de emergência nível II - Média Intensidade - nas áreas do município afetadas pela estiagem. O município em conjunto com a Defesa Civil está monitorando a situação na região e informa que o abastecimento do município realizado pela CASAN de Ascurra até o momento não apresentou falta de água nos pontos onde o abastecimento é feito pela companhia. A maior preocupação é referente às comunidades do interior, onde a captação é feita através dos ribeirões, que estão secando, sendo muitas vezes necessário buscar outros pontos. Deste modo a prefeitura está disponibilizando um caminhão pipa para atender a população das comunidades com água tratada da CASAN e também realizando a abertura de açudes para atender as necessidades básicas. 

Santa Catarina já soma R$ 436 milhões em perdas na produção agropecuária devido à estiagem. Desde o início do ano, a falta de chuva fez com que 107 municípios decretassem situação de emergência. Além disso, 173 cidades já precisaram de abastecimento emergencial de água.

A falta de chuvas afeta o Estado desde o ano passado. Segundo projeções da meteorologia da Secretaria de Estado da Agricultura, a maioria das regiões registrou queda de 300 mm na precipitação em relação à média histórica, chegando a 500 mm de diferença em algumas localidades da Serra e do Oeste.

ECONOMIZE ÁGUA

Existe a necessidade de que as pessoas economizem água potável, pois o nível do Rio Itajaí Açu já está abaixo das últimas grandes secas de 1970 e 1986.

Não lave carro e nem calçada!





EDIÇÕES IMPRESSAS



1218217951.png

 

Cabeço Negro
Rua 20, número 60 - sala 01 = Loteamento Helena B. Morro
Apiúna  - SC - Brasil
89135-000

Copyright © 2011. Todos os direitos reservados | Cabeço Negro