EDITORIAL 340

E você?

08 Setembro 2017 09:28:17

O trabalho e a dedicação à família podem deixar-nos longe dos interesses coletivos

Cabeço Negro

Geralmente reclamamos de tudo. Não estamos contentes com a atuação da Prefeitura, do Estado, do país, e nem mesmo com o que está sendo feito em nosso bairro. Buscamos culpar os outros por tudo que nos aflige e nem imaginamos o que realmente acontece, pois não saímos do nosso pequeno mundo: a empresa e a casa.

Você já se perguntou o que está fazendo para melhorar o dia a dia de nosso bairro, nossa cidade, do nosso estado, do nosso país?

Talvez bem perto de você exista um grupo de escoteiros com inúmeros voluntários dedicando seu tempo aos jovens, ou então uma academia de artes e letras onde muitos se dedicando a incentivar os jovens a ler mais e a expressar seus sentimentos através da pintura ou da literatura. Quem sabe exista até uma associação de bairro onde seus vizinhos são voluntários e dedicam parte do tempo livre para contatar as autoridades para que as mesmas melhorem as condições de vida de todos os habitantes da sua cidade. E tem aqueles professores de educação física que trabalham final de semana para que crianças e jovens possam se divertir participando de campeonatos das mais diversas modalidades.

Pois é, talvez tudo isso aconteça bem perto e você nem atentou para isso. O trabalho e a dedicação à família podem deixar-nos longe dos interesses coletivos isolando-nos do resto como se estivéssemos dentro de uma bolha, em um mundo particular.

A pergunta que fica é: se você não está em um mundo particular, isolado, o que está fazendo para melhorar a sua comunidade, o seu município, estado, país?

Lembre-se, podemos encontrar felicidade em pequenas ações em benefício do próximo.







1218217951.png

 

Cabeço Negro
Rua 100 78 fundos sala 02, Loteamento Dona Helena Morro
Apiúna - SC - Brasil

Copyright © 2011. Todos os direitos reservados | Cabeço Negro