ARTIGO

A Principal Reciclagem

Por João Fernandes - administrador, voluntário da Orthocognitivus

Muito se fala sobre a reciclagem dos materiais e como esta prática é importante para o meio ambiente. Isso é um fato. Agora, que tal pensarmos na hipótese de que cada um de nós possui questões internas que não cabem mais no nosso contexto atual, podem ser superadas e merecem uma reciclagem? 

Para a Conscienciologia, ciência que estuda a consciência - também conhecida como ser, ego, alma, self, princípio inteligente - e suas diversas formas de manifestação, sem misticismos ou religiosidades; esta vida é uma grande oportunidade de renovação profunda. E não se trata de cabelo ou do vestuário, mas de comportamentos e da forma que pensamos, sentimos e interagimos.

A reciclagem de nós mesmos chamamos de reciclagem intra-consciencial ou sua abreviação, recin. Para compreender este conceito, é preciso ampliar a percepção acerca de como funcionamos. Ao pensarmos, não emitimos apenas uma ideia; junto a ela, sempre vai um sentimento e uma energia associada. A essa união indissociável de pensamento, sentimento e energia chamamos de pensene. Logo, podemos dizer que pensenizamos ao invés de apenas pensarmos.

Ao tratarmos do conjunto de pensenes de uma pessoa ou de um lugar, usamos a palavra holopensene. Fica fácil de entender quando comparamos a qualidade daquilo que normalmente se pensa, sente e vibra dentro de uma biblioteca com o que acontece numa penitenciária. Você percebe a diferença de holopensenes?

E no nosso caso? Qual é a qualidade dos pensamentos, sentimentos e energias que trazemos conosco? Como ficam os ambientes por onde passamos, melhores ou piores?

Note que ninguém tem a capacidade de mudar o pensamento de outra pessoa. É você que aceita aquela ideia ou aquele sentimento. Por isso somos inteiramente responsáveis pelo nosso holopensene pessoal. Podemos no máximo influenciar, mas nunca adicionar ou extrair um pensene de alguém.

Portanto, a reciclagem que propomos aqui é a do seu próprio holopensene. Ao mudar os seus pensenes, o mundo a sua volta se transforma; já que modifica a sua forma de enxergar o mundo. Este é o grande desafio, realizar constantemente essa mudança íntima, mais profunda e duradoura.

Que tal refletir a respeito e iniciar a sua recin, fazendo a sua parte e contribuindo para termos um planeta melhor? Muito ajuda, quem não atrapalha.

*Orthocognitivus é Associação Internacional para Implantação da Cognópolis em SC. Para informações, acesse: http://orthocognitivus.org





EDIÇÕES IMPRESSAS



1218217951.png

 

Cabeço Negro
Rua 20, número 60 - sala 01 = Loteamento Helena B. Morro
Apiúna  - SC - Brasil
89135-000

Copyright © 2011. Todos os direitos reservados | Cabeço Negro