Alan.png
QUALIDADE DE VIDA

Sedentarismo

A correria do dia a dia tornam os treinos mais difíceis

Nos dias atuais, discutir a importância de ser ativo, de treinar de maneira constante, regular, chega a ser redundante. Não faltam estudos, comprovações, exemplos práticos e reais de pessoas que tiveram uma melhora substancial em sua saúde, ao sair do sedentarismo.

Porém, mais de 45% da população brasileira é sedentária. Isso sobrecarrega o sistema de saúde, encarece determinados serviços e prejudica a vida de muitas pessoas.

Por isso, é preciso vencer o sedentarismo. Mas nem sempre esta é uma tarefa fácil, não é? A correria do dia a dia tornam os treinos mais difíceis. Mas isso não pode ser desculpa.

Sair do sedentarismo não é, em muitos casos, uma tarefa das mais fáceis. Há inúmeras situações que fazem com que treinar de maneira regular seja difícil. Porém, no final das contas, tudo não passa de desculpas e de falta de prioridades.

Se você tiver como prioridade ser saudável, você será.

1- Acabe com as desculpas

Raras às vezes, as pessoas são sedentárias por algum motivo que, no final das contas, não é uma desculpa. No geral, as pessoas potencializam acontecimentos e buscam "muletas" para se apoiar e não treinar.

Para que você vença o sedentarismo, você precisa, antes de tudo, entender que seu corpo tentará te sabotar. Afinal, a atividade física representa uma quebra da homeostase, do estado de equilíbrio.

Por isso, você precisa ter em mente que na maioria das vezes, as desculpas que surgem, são sua mente tentando te sabotar.

2- Tenha um planejamento

Tenha muito claro o que você procura. Mas seja realista. É muito comum vermos aquela pessoa que entra na academia e na primeira semana, não falta um dia sequer. Faz até mais de um treino, usando outras modalidades ofertadas pela academia, como danças e outras modalidades de treino. Porém, 1 mês depois, essa pessoa desiste.

O segredo de ser saudável, ativo, é ser constante, ter objetivos e seguir em busca deles. Por isso, ao começar a treinar, você precisa de um planejamento. Esse planejamento fará com que você treine da maneira certa, veja os objetivos sendo concretizados e principalmente, saberá qual caminho percorrer.

3- Trabalhe com treinos resistidos

Não importa se será treinamento funcional, musculação, Crossfit ou qualquer outra modalidade. Seu corpo precisa de um bom treino de força. Para isso, é fundamental que haja, em sua rotina, exercícios de força.

Eles irão desenvolver uma resistência específica, fundamental para a melhora da funcionalidade.

Portanto, mesmo que você queira correr, andar de bike, nadar ou outra atividade aeróbica, é fundamental ter também, um treino resistido.

4- Nos primeiros três meses não faltem a nenhum treino

Exercício físico é hábito. Portanto, para vencer o sedentarismo, precisamos antes de tudo, criar um hábito. Neste ponto, os três primeiros meses são fundamentais. Se você conseguir, por três meses, treinar pelo menos 4 vezes por semana, sem faltas, o hábito estará muito mais formado.

Depois disso, será mais fácil manter o hábito de treinar e se manter mais ativo.

5- De nada vai adiantar treinar, sem fazer uma reeducação alimentar.

 Esta não é bem uma dica de como sair do sedentarismo, mas sim, uma dica complementar. De nada vai adiantar você sair do sedentarismo, se não fizer uma reeducação alimentar. Você não precisa ser radical, sair cortando tudo. Neste primeiro momento, o que você precisa é de equilíbrio.

6- Faça o que gosta, mas não esqueça do essencial

Para sair do sedentarismo, fazer o que gosta é fundamental. Porém, não devemos esquecer do que é essencial. Como citei acima, os exercícios resistidos são fundamentais, independentemente do que você estiver praticando. Flexibilidade e coordenação motora, também são qua-lidades físicas fundamentais e que, independentemente do que você estiver fazendo, precisam ser melhoradas.

7- Se tiver pouco tempo, treine do mesmo jeito!

Há diversas formas de ter um bom treino, mesmo com menos tempo. Você com certeza consegue 30 minutos por dia para treinar, não é? Com uma boa montagem e uma estrutura correta, é possível ter um treino altamente eficiente, mesmo com 30 minutos de prática.

Tempo não pode ser uma desculpa. Por menos que você faça, já é muito mais do que não fazer nada. Se o seu tempo é escasso, invista em uma montagem adequada de treino, priorize o que é de fato importante, mas treine.

8- Treine!

Sim, treine! Você precisa começar se busca ter mais saúde, qualidade de vida e precisa de ação. Treinar, pelo menos 4 a 5 vezes por semana. Mesmo que tenha preguiça, mesmo que a rotina aperte.

 Se você não tomar esta decisão e focar nela, jamais terá sucesso. Jamais sentirá os reais benefícios do treinamento.

 Por isso, não busque soluções rápidas. Você precisa treinar, constantemente e encarar isso como parte da caminhada e de sua rotina.

 Treine sempre com a orientação de um bom profissional e mantenha-se firme na decisão de treinar e ser mais saudável.

 Bons treinos!





EDIÇÕES IMPRESSAS



1218217951.png

 

Cabeço Negro
Rua 20, número 60 - sala 01 = Loteamento Helena B. Morro
Apiúna  - SC - Brasil
89135-000

Copyright © 2011. Todos os direitos reservados | Cabeço Negro