Ailton.png
PASSANDO A LIMPO

Sucesso

23 Junho 2017 09:46:38

Valorizando o melhor

Ailton Carlos Coelho

SUCESSO

“Maravilhas nunca faltaram ao mundo; o que sempre falta é a capacidade de senti-las e admirá-las.”  Mario Quintana

 

A Festa da Tangerina deste ano foi um sucesso. Fazia tempo que não víamos público tão grande e uma organização quase perfeita. Faltam alguns ajustes, mas não há do que reclamar.

Parabéns a todos que trabalharam para que o evento fosse um sucesso, em especial ao secretário Adilson Fortunato, o chefe de gabinete, Jean Benvenutti, que trabalhou muito.

Obrigado por terem valorizado os símbolos dessa festa e também os seus criadores.

Décio Lima assume PT

Vereador Jorge Bernardi, juntamente com todas as lideranças do PT de Santa Catarina, esteve presente na posse do Deputado Federal Décio Lima como presidente estadual do PT em Florianópolis no dia 14 de junho.

Deputada vai ao Ministério Público contra mudança de horário das escolas no período noturno

A presidente da Comissão de Educação, Cultura e Desporto da Assembleia Legislativa, deputada Luciane Carminatti, foi ao Ministério Público de Santa Catarina, nesta terça-feira (20), denunciar a decisão do governo do Estado de alterar o horário noturno nas escolas da rede pública estadual, prejudicando estudantes e professores catarinenses. A parlamentar entregou ao promotor de Justiça, Davi do Espírito Santo, documentos que atentam para a decisão arbitrária do governo, ao ignorar as consequências que a antecipação das aulas para as 18h30 traz à comunidade escolar, principalmente a possibilidade de aumento da evasão escolar.

Vacina contra o HPV para meninos tem faixa etária ampliada

A partir de junho, todos os meninos entre 11 e 14 anos devem receber a vacina contra o HPV (papilomavírus). Oferecida desde janeiro deste ano para meninos entre 12 e 13 anos, a vacina teve a faixa etária ampliada por decisão do Ministério da Saúde (MS), para fortalecer as ações de saúde na população masculina e possibilitar a prevenção da ocorrência de cânceres de pênis, ânus, orofaringe e de verrugas genitais, doenças diretamente relacionadas ao HPV.

Em Santa Catarina, 21.276 meninos entre 12 e 13 anos receberam a primeira dose da vacina do HPV. “Uma segunda dose deverá ser tomada em seis meses para garantia da imunização”, alerta Vanessa Vieira da Silva, gerente de Imunização da Diretoria de Vigilância Epidemiológica (Dive) da Secretaria de Estado da Saúde (SES). Segundo ela, a definição da faixa etária visa proteger os adolescentes antes do início da vida sexual e do contato com o vírus.

A faixa etária será ampliada gradativamente até igualar a das meninas, ou seja, 9 a 14 anos de idade. Jovens entre 9 e 26 anos vivendo com HIV/Aids devem também ser vacinados, sendo necessárias três doses para a imunização.

Durante o mês de junho, Santa Catarina está intensificando a vacinação contra o HPV. As equipes de saúde estão visitando as escolas, levando informações sobre a prevenção do câncer, avaliando as cadernetas e vacinando os adolescentes.

A vacinação é oferecida gratuitamente nas 1,2 mil salas de vacina da rede pública de saúde e pode também ocorrer nas escolas. Porém, vale salientar que cada município define sua estratégia de vacinação, de acordo com a logística e as realidades locais. Os adolescentes não necessitam de autorização ou acompanhamento dos pais nas salas de vacina. Basta que apresentem um documento de identificação ou a carteira de vacinação.

O HPV é transmitido pelo contato direto com pele ou mucosas infectadas, na maioria das vezes, através da relação sexual desprotegida. É altamente contagioso, sendo possível infectar-se com uma única exposição ao vírus. Pessoas infectadas podem não apresentar lesões visíveis e transmitir o HPV sem saber.

Procure mais informações junto a Secretaria de Saúde de seu município.

Fonte Secretaria de Estado da Saúde

1218217951.png

 

Cabeço Negro
Rua 100 78 fundos sala 02, Loteamento Dona Helena Morro
Apiúna - SC - Brasil

Copyright © 2011. Todos os direitos reservados | Cabeço Negro